Kim Jong-un e esposa assistem a concerto de músicos sul-coreanos em Pyongyang

Seul, 1 abr (EFE).- O líder da Coreia do Norte Kim Jong-un compareceu neste domingo, junto com sua esposa Ri Sol-ju, ao concerto oferecido por artistas sul-coreanos em Pyongyang, o primeiro em mais de uma década, e se transformou no primeiro líder do país a assistir a uma apresentação de um grupo da Coreia do Sul.

O casal presenciou no Grande Teatro do Leste da capital da Coreia do Norte o primeiro dos dois espetáculos do grupo de 160 artistas da Coreia do Sul, disse o ministro da Cultura sul-coreano, Do Jong-hwa, segundo informações recolhidas pela agência local "Yonhap".

Era esperada uma aparição de Kim no concerto de hoje em resposta ao comparecimento do presidente sul-coreano, Moon Jae-in, à apresentação oferecida em Seul pela orquestra norte-coreana Samjiyon em fevereiro, por causa dos Jogos Olímpicos de Inverno de PyeongChang, o evento que propiciou a atual aproximação entre Norte e Sul.

O líder norte-coreano opinou que as duas Coreias deveriam realizar representações culturais com mais frequência e sugeriu que poderiam organizar outro evento em Seul no segundo semestre, detalhou a agência de notícias sul-coreana.

Esta postura coincide com a manifestada pelo ministro sul-coreano, que lidera a delegação de 190 pessoas - entre elas autoridades - que viajou para Pyongyang. Do defendeu hoje a retomada de projetos conjuntos e destacou a importância dos intercâmbios culturais e esportivos para uma coexistência pacífica entre as duas Coreias.

Além de Kim e sua esposa, estiveram na apresentação de aproximadamente duas horas a irmã do líder, Kim Yo-jong, e o presidente honorário do país, Kim Yong-nam, que em fevereiro lideraram a delegação de alto nível da Coreia do Norte que assistiu à abertura dos Jogos de PyeongChang.

Kim Yo-jong já fez história ao se transformar na primeira integrante da família Kim a viajar para a Coreia do Sul e foi também a encarregada de transmitir a proposta de realizar uma cúpula de líderes dos dois países, a primeira em 11 anos, que acontecerá em 27 de abril.

Os artistas sul-coreanos, que incluem conhecidas figuras do k-pop, oferecerão uma segunda apresentação em 3 de abril no pavilhão Ryugyong Chung Ju-yung, onde tocarão com músicos norte-coreanos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos