Passagem de ciclone tropical por Fiji deixa pelo menos quatro mortos

Sydney (Austrália), 2 abr (EFE).- Pelo menos quatro pessoas morreram após serem arrastadas por trombas d'água durante a passagem no final de semana do ciclone tropical Josie por Fiji, confirmaram nesta segunda-feira fontes oficiais.

O diretor de Gestão Nacional de Desastres, Anare Leweniquila, que confirmou as quatro mortes, informou que uma pessoa está desaparecida em consequência de Josie, de categoria 1, segundo o portal "Fiji Times".

Do total das vítimas, duas delas morreram em Nadi, outra em Ba e a quarta em Lautoka, todas estas cidades situadas na costa noroeste de Viti Levu, a principal ilha de Fiji.

"Josie está cheia de inundações, fortes ventos, provocou o corte da eletricidade e algumas evacuações", segundo um tweet da Cruz Vermelha da Nova Zelândia.

Calcula-se que mais de 1,8 mil pessoas estejam hospedadas nos centros de evacuação.

O Josie encontrava-se nesta segunda-feira a cerca 180 quilômetros do sudoeste de Kadavu, a quarta maior ilha de Fiji e ao sul de Suva, a capital, e se desloca a uma velocidade média de 65 quilômetros por hora com rajadas de até 90 quilômetros por hora, segundo a "Rádio New Zealand".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos