Comitê de Direitos Humanos da ONU avaliará pedido da defesa de Lula

Genebra, 6 abr (EFE).- A Comitê de Direitos Humanos da ONU avaliará o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre uma medida cautelar para evitar que ele seja preso nesta sexta-feira.

A informação de que o comitê avaliará o caso foi dada pela porta-voz Julia Gronnevet, que não quis antecipar quando o pedido dos advogados de Lula será analisado.

Os advogados de Lula querem que o Comitê de Direitos Humanos da ONU faça um pedido ao governo brasileiro para impedir que Lula seja preso antes de esgotados todos os recursos jurídicos possíveis.

A solicitação foi assinada pelos advogados Cristiano Zanin Martins, Valeska Teixeira Zanin e Geoffrey Robertson.

O juiz federal Sergio Moro determinou que Lula se entregue à Polícia Federal, em Curitiba, até às 17h desta sexta-feira.

O ex-presidente foi condenado a 12 anos e um mês de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do triplex do Guarujá.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos