Primeiros dados dão vitória a partido de Viktor Orban com 49,5% dos votos

Budapeste, 8 abr (EFE).- Os primeiros resultados oficiais das eleições gerais na Hungria dão ao partido conservador nacionalista Fidesz, do primeiro-ministro Viktor Orbán, uma clara vitória com 49,5% dos votos, após a apuração de 65% das urnas, informou neste domingo a agência de notícias "MTI".

Em seguida aparecem o partido de extrema-direita Jobbik, com 20% dos votos, e a coalizão de esquerda liderada pelos social-democratas, com 12%.

A participação dos eleitores foi alta, estimada em 70%, a maior desde 2002, o que obrigou a atrasar em várias horas o fechamento oficial dos colégios para permitir que todas as pessoas que estavam fazendo fila pudessem votar.

Outros partidos que obtiveram mais de 5% dos votos para entrar no Parlamento seriam o ecologista LMP (6,5%), e a esquerdista Coalizão Democrática (5,3%).

Por enquanto, os resultados contradizem as previsões dos analistas, que esperavam um desempenho melhor da oposição no caso de uma alta porcentagem de participação.

O sistema eleitoral húngaro é uma mistura de eleição majoritária e proporcional dos 199 deputados, por isso ainda não se sabe se o Fidesz conseguiu seu objetivo de obter uma maioria de dois terços na Câmara.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos