Biólogos tentam desencalhar baleia jubarte no litoral da Argentina

Buenos Aires, 9 abr (EFE).- Autoridades ambientais e forças de segurança da Argentina trabalham nesta segunda-feira para tentar resgatar uma baleia de quase dez toneladas que permanece encalhada desde a tarde de sábado em uma praia da província de Buenos Aires.

Trata-se de uma baleia jubarte de aproximadamente dez metros de comprimento e segundo estimam os especialistas, deve ter entre três e quatro anos, que permanece encalhada no balneário Punta Mogotes da cidade de Mar del Plata, 400 quilômetros ao sul da capital argentina.

"Estamos tentando reintroduzi-la novamente ao mar. É a quarta ou quinta vez que vamos tentar: o animal foi introduzido algumas vezes, mas voltou a encalhar", revelou nesta segunda-feira Alejandro Saubidet, biólogo do aquário de Mar del Plata que participa da operação iniciada há quase dois dias.

Segundo contou em declarações ao canal "Todas Notícias", a baleia "seguramente tem alguma patologia associada" que faz com que queira sair da água apesar de ser reintroduzida no mar.

Saubidet apontou que trata-se da terceira baleia que fica encalhada na costa da província nos últimos três meses, o que considerou "raro", apontando que, provavelmente, os fatos estejam relacionados.

Neste momento, o pessoal de Fauna Silvestre, membros da Prefeitura Naval e Defesa Civil e moradores da zona, entre outros, tratam de reintroduzi-la.

"Tem um comprimento de 10 metros e pesa cerca de 10 toneladas. É bastante difícil todas as manobras para reintroduzi-la", apontou o biólogo, que espera que possam devolver a baleia de novo ao mar ao longo desta segunda-feira.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos