Engenheiro alemão é sequestrado e seu segurança assassinado na Nigéria

Abuja, 17 abr (EFE).- Um grupo de homens armados não identificados sequestrou um engenheiro alemão e matou seu segurança, um sargento da polícia nigeriana, perto da cidade de Kano, no norte da Nigéria, de acordo com informações divulgadas, nesta terça-feira, pela imprensa local.

Segundo as forças de segurança, o incidente aconteceu às 7h45 (horário local, 3h45 de Brasília) de ontem, quando um grupo de funcionários da construtora Dantata & Sawoe - onde trabalha o alemão sequestrado, Michael Cremza - sofreu uma emboscada enquanto dirigia-se a uma obra.

O grupo composto por cinco homens abriu fogo contra o veículo onde viajavam, matando na hora o segurança.

A polícia de Kano implantou uma operação com o objetivo de resgatar Cremza e prender os culpados do sequestro, para isso pediu ajuda dos cidadãos.

Os sequestros para pedir resgate são um grave problema no país que se está recuperando da pior recessão econômica do último quarto de século.

Estes crimes são frequentes, especialmente na região de Delta (sul), de onde é extraída a maior parte do petróleo nigeriano, e os principais alvos dos grupos criminosos são, portanto, empresários estrangeiros da indústria petrolífera.

No entanto, estes incidentes se espalharam para praticamente todas as partes do país e a população local está agora entre as vítimas, que é forçada a pagar grandes quantidades de dinheiro para ser liberada.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos