Operação que investiga morte de policial no Rio tem 6 mortos e 3 feridos

Rio de Janeiro, 3 mai (EFE).- Um tiroteio ocorrido nesta quinta-feira, durante uma operação policial realizada para investigar a morte de um capitão da Polícia Militar, deixou seis mortos e três feridos na Cidade de Deus, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública.

A operação tinha como objetivo a captura dos membros de uma quadrilha de assaltantes que assassinaram pela manhã o capitão Stephan Contreiras, oficial do 18º Batalhão da PM.

O capitão, de 36 anos, foi assassinado em uma aparente tentativa de assalto quando seguia de moto para o batalhão. Com essa morte, chegou a 40 o número de policiais assassinados neste ano no Rio de Janeiro.

Por causa da operação, as autoridades foram obrigadas a interromper por cerca quatro horas o trânsito na Linha Amarela, que liga as zonas Norte e Oeste da cidade.

Na operação na Cidade de Deus, na qual ficou ferido um agente do Batalhão de Operações Especiais (Bope), foram confiscados dois fuzis e quatro pistolas, assim como rádios transmissores.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos