Moon e Xi reafirmam compromisso para paz e desnuclearização da península

Seul, 4 mai (EFE).- Os presidentes da Coreia do Sul, Moon Jae-in, e da China, Xi Jinping, reafirmaram nesta sexta-feira por telefone o compromisso de seus dois países para alcançar a paz e a desnuclearização da península por causa do estipulado pelas duas Coreias na sua cúpula da semana passada.

Moon ressaltou, segundo explicou o escritório em comunicado, a importância que o "interesse e o apoio contínuo" de Xi tiveram na hora de conseguir que Seul e Pyongyang assinassem uma declaração, se comprometendo a trabalhar para conseguir a "total desnuclearização" da península.

Em sua cúpula na semana passada, Moon e o líder norte-coreano, Kim Jong-un, também prometeram conseguir a assinatura de um tratado multilateral - que incluiria a China - para pôr fim ao estado da guerra técnica na região após a Guerra da Coreia (1950-1953).

Nesse sentido, Moon e Xi "também acordaram que os dois países se comunicarão estreitamente e cooperarão de maneira ativa durante o processo para substituir as armas (que pôs fim ao conflito) com um tratado de paz", segundo diz o texto.

Xi, por sua vez, felicitou Moon pelo resultado da cúpula e disse que seus esforços foram "fundamentais" na hora de conseguir que as distintas partes trabalhem para a desnuclearização da península.

O presidente da China expressou que o próprio Kim Jong-un voltou a insistir na vontade desnuclearizadora do regime durante a reunião que o marechal norte-coreano manteve na quinta-feira em Pyongyang com o titular de Exteriores de Pequim, Wang Yi.

"Kim novamente confirmou seu desejo de fechar o centro de testes nucleares norte-coreano de Punggye-ri e de pôr fim às hostilidades na península da Coreia" mediante a assinatura de um tratado de paz, disse Xi a Moon.

Durante a cúpula com Moon, Kim lhe comunicou o desejo de desmantelar Punggye-ri neste mês perante a presença de jornalistas e observadores internacionais.

Por outro lado, uma fonte do Governo japonês confirmou hoje à agência "Kyodo" que Xi também falou por telefone com o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, e que ambos rubricaram o compromisso na hora de apoiar o fim do programa nuclear norte-coreano.

A conversa entre Xi e Abe ocorreu, além disso, poucos antes da cúpula trilateral que será realizada em Tóquio por Japão, Coreia do Sul e China em 9 de maio.

A reunião, marcada pela recente cúpula intercoreana e pelo encontro previsto nas próximas semanas entre Kim Jong-un e o presidente americano, Donald Trump, envolverá Abe, Moon e o primeiro-ministro chinês, Li Keqiang.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos