Helicóptero militar russo cai na Síria e morrem seus dois pilotos

Moscou, 8 mai (EFE).- Um helicóptero militar russo Ka-52 que cumpria uma missão no leste da Síria caiu e seus dois pilotos morreram, informaram nesta terça-feira os veículos de imprensa locais, que citando uma nota emitida ontem à noite pelo Ministério da Defesa da Rússia.

"Dados preliminares indicam que a causa do acidente pode ter sido uma falha técnica", diz o comunicado oficial, acrescentando que grupos de resgate evacuaram os corpos dos pilotos do Ka-52, sem especificar quando o avião caiu.

De acordo com o jornal "Kommersant", o helicóptero caiu na noite de domingo e pode ter sido derrubado por radicais islâmicos com um foguete terra-ar.

O Ka-52 "Cayman" é um helicóptero de ataque, altamente manobrável e capaz de operar em condições climáticas adversas, tanto de dia quanto de noite.

A queda deste helicóptero é a segunda sofrida este mês pelo agrupamento aéreo russo na Síria: no último dia 3 uma caça seu-30SM caiu em águas sírias, causando a morte de seus dois pilotos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos