Forças iemenitas expulsam rebeldes houthis de cidade estratégica

Saná, 12 mai (EFE).- As forças iemenitas arrebataram neste sábado uma cidade considerada estratégica dos rebeldes houthis na província de Taiz, no sudoeste do Iêmen, dois dias depois de controlar a região vizinha de Muzaa, informaram fontes militares.

As fontes asseguraram que as tropas iemenitas, apoiadas pela aviação da coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita e as forças da resistência, tomaram hoje a cidade de Al Shaqra, na província de Taiz, após a fuga dos rebeldes ontem.

A região de Al Uaziiya, onde está Al Shaqra, e a de Muzaa têm uma importância estratégica, já que se situam na estrada que une Taiz com o porto de Hodeida, situado no litoral do mar Vermelho, no oeste do Iêmen, e controlado pelos rebeldes.

Na quinta-feira passada, o exército iemenita tomou o controle do principal núcleo urbano do município de Muzaa, situado ao norte de Al Uaziyia.

O Iêmen é palco de uma guerra desde o final de 2014 quando os rebeldes houthis, apoiados pelo Irã, tomaram a capital Saná e províncias do norte e do oeste do país e expulsaram o governo da capital.

O conflito se agravou em março de 2015 com a intervenção da coalizão de países árabes e sunitas capitaneados por Riad e apoiados pelos Estados Unidos, que atuam no Iêmen a favor das forças leais ao presidente iemenita, Abd Rabbuh Mansur al Hadi.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos