Homem é detido em Estrasburgo por relação com autor do ataque de Paris

Paris, 13 mai (EFE).- A polícia da França deteve em Estrasburgo, no nordeste do país, um amigo do suposto terrorista que matou uma pessoa e feriu outras quatro ontem no centro de Paris, segundo informou neste domingo a imprensa local.

Este homem é o terceiro detido em relação ao incidente ocorrido ontem à noite na região parisiense de Ópera, uma vez que os pais do suposto autor também estão sob custódia policial.

A imprensa francesa identifica o suspeito do ataque, assumido pelo grupo jihadista Estado Islâmico (EI), como Khamzat Azimov, nascido em 1997 na Chechênia, república russa de maioria muçulmana, e naturalizado francês em 2010.

Segundo os meios de comunicação, Khamzat cresceu em Estrasburgo e posteriormente se mudou para Paris, onde vivia com seus pais no norte da capital.

O jovem detido em Estrasburgo, também nascido em 1997, era amigo de Khamzat, que foi abatido quando tentou agredir policiais durante seu ataque com faca contra os transeuntes.

De acordo com a imprensa, o suposto autor do ataque de Paris já estava fichado pelos serviços secretos franceses pela sua proximidade a um homem que esteve na Síria, embora não tivesse antecedentes criminais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos