Dono de represa que causou acidente com 48 mortos no Quênia culpa chuvas

Nairóbi, 15 mai (EFE).- O dono da represa que se rompeu na semana passada no Quênia e deixou 48 mortos atribuiu nesta terça-feira a tragédia às fortes chuvas que caíram em uma floresta na zona e que danificaram as paredes do reservatório.

Em comunicado, o presidente da empresa Solai Group, a latifundiária Mansukh Patel, afirmou que as precipitações causaram uma erosão do solo, provocando imperfeições nos muros da represa na zona de Solai, no condado de Nakuru (oeste do Quênia).

"Na quarta-feira, 9 de maio, perdemos 47 vidas na tragédia da represa de Solai. Nós, a família Patel da Solai e membros da gestão de fazenda da Solai, queríamos expressar nossas condolências", diz o comunicado, divulgado por veículos de imprensa locais.

Nesta segunda-feira, as equipes de resgate encontraram o corpo de um criança de 11 anos, enquanto outros dois corpos foram achados no domingo, o que eleva o total de mortos a 48.

Patel ressaltou que se investiga "como isto pôde ter ocorrido" e lamentou "profundamente o fato", ao agregar que sua família apoiou à comunidade local desde 1935.

O dono do reservatório garantiu que trabalha com o Governo para proporcionar os recursos necessários às centenas de famílias deslocadas pelo desastre.

O comunicado foi divulgado depois que as autoridades rebaixaram os trabalhos de resgate, ao indicar que foram encontradas 40 pessoas que tinham sido dadas por desaparecidas.

No fim de semana passado, o Governo do Quênia mandou inspecionar todas as represas do país, após o acidente da Solai, e a Promotoria ordenou à Polícia uma investigação das causas e possíveis responsáveis da tragédia.

Um responsável local da Autoridade de Gestão de Recursos Hídricos (Warma) afirmou que a represa de Patel é ilegal.

O reservatório acidentado fica em uma extensa zonao de terrenos privados de cultivo de flores e café que são propriedade de Patel. EFE

pa/ff

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos