Ex-ministro espanhol é detido por crimes de lavagem e desvio de dinheiro

Madri, 22 mai (EFE).- O ex-ministro espanhol e ex-presidente do Governo regional de Valência, Eduardo Zaplana, foi detido nesta terça-feira por um suposto crime de lavagem de dinheiro e desvio de fundos.

Fontes da investigação informaram à Agência Efe que a detenção de Zaplana, ministro do Trabalho durante o governo do Partido Popular (PP) de José María Aznar, faz parte de uma operação ainda aberta e na qual se preveem mais prisões.

O ex-ministro foi detido em Valência por agentes da Unidade Central Operacional (UCO) da Guarda Civil.

Zaplana iniciou sua carreira política como prefeito da cidade de Benidorm e presidiu o Governo regional valenciano entre 1995 e 2002, ano que assumiu o Ministério do Trabalho e Assuntos Sociais.

Posteriormente foi porta-voz do PP no Congresso dos Deputados, após sua saída em 2008, deixou a política.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos