PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Trump diz que definirá na próxima semana se adiará reunião com Kim Jong-un

23/05/2018 14h54

Washington, 23 mai (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta quarta-feira que só saberá na semana que vem se irá se reunir com o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, no dia 12 de junho, em Cingapura, a data inicialmente prevista, ou se o encontro histórico será adiado.

"Sobre Cingapura, vamos ver. É possível que ocorra. Seja o que for, saberemos na semana que vem. Se formos, será algo muito bom para a Coreia do Norte", disse Trump aos jornalistas na Casa Branca, antes de viajar para participar de um evento em Nova York.

"A reunião ocorrerá em algum dia, em alguma data, com certeza. Pode perfeitamente ser em 12 de junho", continuou o presidente.

Trump anunciou há duas semanas a histórica cúpula com Kim, mas as dúvidas sobre o encontro surgiram na semana passada, quando a Coreia do Norte ameaçou cancelá-la devido às pressões da Casa Branca para impor um modelo "unilateral" de desnuclearização do país.

Ontem, Trump afirmou há que uma "possibilidade muito significativa" de que a reunião não aconteça na data prevista, sugerindo a hipótese de adiar o encontro com Kim.

Depois da declaração do presidente, secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, manteve a posição de que o governo segue trabalhando com o objetivo de que a reunião ocorra no dia 12 de junho.

"Estamos trabalhando para garantir que há um entendimento mútuo sobre os conteúdos que abordaremos", destacou Pompeo.

Internacional