Ministério belga diz que autor de tiroteio matou outra pessoa no dia anterior

Bruxelas, 30 mai (EFE).- O ministro do Interior da Bélgica, Khan Jambon, confirmou nesta quarta-feira que Benjamin Herman, autor do tiroteio ocorrido ontem, em Liège, onde morreram duas policiais e um civil, tinha assassinado outro homem na noite anterior.

Em entrevista à rádio "Bel RTL", Jambon afirmou que o homem também era o responsável pela morte de Michael Wilmet, um viciado em heroína, cujo corpo foi encontrado ontem pela manhã em sua casa, na província de Luxemburgo.

De acordo com o ministro, as razões para as mortes ainda não estão claras.

"Podem ser por motivos de radicalização, mas também pode ser que não tivesse nenhuma perspectiva na nossa sociedade, pois ele também cometeu um assassinato na noite anterior. A psicologia deste tipo, que pode ser que também estivesse drogado, coloca muitas questões. Antes de tirar conclusões é preciso esperar o resultado da investigação", disse Jambon.

Michael Wilmet era fichado na polícia por tráfico de drogas e esteve por durante dois anos sob vigilância eletrônica.

Benjamin Herman, recém-saído da prisão com uma permissão temporária, matou ontem duas agentes da polícia e um civil, ferindo também quatro policiais, em um tiroteio quando foi abatido e que é investigado pela Promotoria federal como um "crime terrorista".

O ministro da Justiça, Koen Geens, confirmou ontem que Herman, que tinha saído no dia anterior da prisão de Lantin, onde cumpria pena por crimes menores, desfrutou de um total de 13 autorizações para sair da prisão.

A Promotoria Federal oferecerá mais detalhes sobre a investigação em entrevista coletiva convocada para hoje às 10h30 (horário local, 5h30 de Brasília).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos