Bombardeio da coalizão internacional mata 1 civil e 6 jihadistas na Síria

Cairo, 1 jun (EFE).- Pelo menos um civil e seis combatentes do grupo jihadista Estado Islâmico (EI) morreram nesta sexta-feira em um suposto bombardeio da coalizão internacional no nordeste da Síria, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Os aviões da coalizão atacaram uma casa, um posto de gasolina e uma sala de internet na cidade de Al Susa, situada em uma zona rural da província de Deir Zor.

Em outra cidade controlada pelo EI na mesma região, Bacara, uma criança morreu e outras duas ficaram feridas pela explosão de uma bomba abandonada, acrescentou a ONG.

A coalizão internacional, liderada pelos Estados Unidos, reconhece ter causado pelo menos 892 vítimas civis entre agosto de 2014 e abril do ano passado com seus bombardeios no Iraque e na Síria, segundo um comunicado publicado nesta quinta-feira.

A aliança averiguou em abril 159 relatórios de vítimas civis referentes aos últimos meses, dos quais deu credibilidade a cinco, referentes a nove mortes, e tem abertos outros 321 relatórios, segundo o comunicado.

Os aviões da coalizão estão dando cobertura à ofensiva realizada pelas Forças da Síria Democrática (FSD), uma aliança de milícias lideradas pelos curdos contra o EI.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos