PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Presidente sul-coreano viaja para Rússia onde se reunirá com Putin

21/06/2018 04h28

Seul, 21 jun (EFE).- O presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, partiu nesta quinta-feira rumo à Rússia para uma viagem de três dias onde se reunirá com o mandatário russo, Vladimir Putin, com quem tratará a aproximação com a Coreia do Norte e os avanços para sua desnuclearização.

Moon, que viajou desde a base aérea de Seongnam, ao sul de Seul), pronunciará hoje um discurso perante o Duma (Parlamento) à sua chegada a Moscou, segundo informou em comunicado o escritório presidencial sul-coreana.

Seu discurso é esperado para se concentrar no fortalecimento da relação bilateral e a atual situação de degelo na península conseguida após as duas cúpulas que Moon realizou com o líder norte-coreano, Kim Jong-un, e a que o próprio Kim manteve com o presidente dos EUA, Donald Trump, na semana passada, em Singapura.

Nessa reunião histórica, Trump e Kim assinaram uma declaração na qual, além de abrir uma nova etapa das relações, Washington promete garantir a sobrevivência do regime e Pyongyang se compromete a encerrar seu programa atômico.

Durante sua visita, a primeira de um presidente sul-coreano à Rússia em 19 anos, Moon também deve se reunir com o primeiro-ministro russo, Dmitri Medvedev.

O líder sul-coreano também destacou em entrevista que pretende impulsionar uma cooperação econômica entre as duas Coreias e a Rússia, parceiro comercial de Pyongyang e um dos principais participantes de negociações para a desnuclearização do regime de Kim.

Espera-se durante a reunião, os presidentes russo e sul-coreano tratem essa cooperação trilateral em áreas como transporte ferroviário ou o fornecimento de eletricidade e gás.

O presidente sul-coreano completará a sua visita à Rússia no sábado, indo até Rostov para assistir o jogo entre Coreia do Sul e México, pela Copa do Mundo, antes de retornar para Seul.

Internacional