PUBLICIDADE
Topo

Kim Jong-pil, ex-primeiro-ministro da Coreia do Sul, morre aos 92 anos

23/06/2018 00h08

Seul, 23 jun (EFE).- O ex-primeiro-ministro da Coreia do Sul, Kim Jong-pil, faleceu neste sábado, aos 92 anos, quando era transferido para um hospital de Seul, informou a agência de notícias "Yonhap".

Kim, considerado um dos políticos mais influentes do país em décadas passadas, foi primeiro-ministro em duas ocasiões, entre 1971 e 1975 e entre 1998 e 2000.

Nascido em 1926, Kim se formou na Academia Militar da Coreia e desempenhou um papel importante no golpe militar de 1961 liderado pelo ex-presidente Park Chung-hee, que governou com mão de ferro o país asiático até seu assassinato, em 1979.

Antes de se tornar primeiro-ministro pela primeira vez, o militar aposentado e pai de dois filhos, criou e dirigiu a Agência Coreana de Inteligência e mais tarde foi presidente do governante Partido Democrático Republicano.

Além dos seus postos no governo, o influente e conservador político, viúvo desde 2015, foi deputado em nove ocasiões até sua retirada em 2004, após o fraco desempenho de seu partido.