PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Erdogan se declara vencedor das eleições presidenciais na Turquia

24/06/2018 18h27

Ancara, 24 jun (EFE).- O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, se declarou vencedor das eleições presidenciais realizadas neste domingo no país, após a apuração de 96% dos votos, embora a vitória ainda não tenha sido confirmada pela Comissão Eleitoral.

"Temos os resultados não oficiais. De acordo com eles, a nação me deu o mandato de presidente e de ser o chefe do Executivo", disse Erdogan em discurso transmitido ao vivo pela emissora "NTV".

Erdogan ressaltou que a mesma apuração também aponta uma cômoda maioria para a coalizão Cumhur (Público), integrada pelo partido islamita Justiça e Desenvolvimento (AKP), que governa a Turquia desde 2002, e o direitista Movimento de Ação Nacionalista (MHP).

A oposição pediu que se espere até que a Comissão Eleitoral Suprema certifique a apuração de 100% dos votos, por suspeitas de que haja parcialidade nos resultados preliminares.

Se a Comissão Eleitoral confirmar a vitória de Erdogan e do AKP em ambos os pleitos, serão aplicadas as mudanças constitucionais aprovadas no ano passado em um referendo.

A Turquia passará a ser um sistema presidencialista, onde o presidente ostenta todo o poder Executivo.

A participação nas urnas foi de 87%, e a votação transcorreu com alguns incidentes, como um tiroteio em um colégio eleitoral no leste da Turquia, que deixou três mortos.

Internacional