PUBLICIDADE
Topo

Ao menos 9 civis morrem em bombardeio da coalizão árabe no Iêmen

25/06/2018 09h11

Omran (Iêmen), 25 jun (EFE).- Pelo menos nove civis, entre eles três crianças e duas mulheres, morreram nesta segunda-feira por um bombardeio da coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita na cidade de Omran, no noroeste do Iêmen, segundo constatou a Agência Efe.

Entre os mortos pelo ataque há um bebê de aproximadamente dez meses, que teve o crânio esmagado, uma menina de cerca de oito anos e um menino de em torno de 10 anos, e todos estavam no necrotério do Hospital Geral de Omran.

Fontes do hospital e moradores de Omran identificaram os mortos como Adel Alashmuri, sua mulher e filhos, além de um vizinho da família.

No ataque também ficaram feridos 15 civis, entre eles outra filha de Alashmuri e outras 14 pessoas que vivem nas imediações da residência atingida.

O bombardeio destruiu totalmente a casa da família, que fica em um bairro populoso de Omran, e causou numerosos danos materiais a outros imóveis e veículos.

A residência atacada está situada logo atrás de um escritório dos correios e na rua adjacente a uma central de segurança dos rebeldes houthis, que também foi alvo hoje de duas incursões aéreas de aviões da coalizão.

Os moradores da área deixaram suas casas por medo de novos ataques, segundo eles mesmos contaram à Efe.

A coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita intervém no conflito iemenita desde março de 2015 em apoio ao presidente internacionalmente conhecido Abdo Rabu Mansour Hadi, e contra os rebeldes houthis, que são aliados do Irã.