PUBLICIDADE
Topo

Internacional

China pede que disputa comercial não domine visita de Mattis

26/06/2018 07h28

Pequim, 26 jun (EFE).- A China pediu que a visita iniciada nesta terça-feira pelo secretário de Defesa dos Estados Unidos, James Mattis, dentro de um excursão pela Ásia, não esteja dominada pelos problemas bilaterais devido às disputas comerciais.

"A relação CHINA-EUA está agora em uma fase delicada e todos prestam atenção às questões comerciais", reconheceu hoje o porta-voz chefe do Ministério de Relações Exteriores, Lu Kang, em meio à deterioração das relações entre Washington e Pequim após os anúncios recíprocos de imposição de tarifas iniciadas pela Casa Branca.

Lu ressaltou em entrevista coletiva que é "normal" que ambas as potências tenham "problemas em algumas áreas", por isso que "a chave" são os princípios de respeito e entendimento mútuo "para expandir a cooperação e tramitar as diferenças".

O porta-voz lembrou que as Forças Armadas de ambos países realizaram várias trocas e atividades de cooperação e avançou que durante esta visita Pequim espera um troca positiva de ideias sobre a relação militar.

A visita de Mattis, que permanecerá na China até a próxima quinta-feira, é a primeira de um secretário de Defesa dos EUA desde 2014 e acontece em um momento de crescente tensão comercial entre ambos países.

Além disso, os Estados Unidos mantêm a rejeição à política de Pequim no Mar da China meridional, onde o Pentágono envia de forma regular navios ou aviões militares sob o argumento da livre navegação em zonas internacionais a espaços que a China reivindica como próprios.

Dentro da crescente hostilidade para a China à qual o Governo de Donald Trump considera um competidor estratégico, o Pentágono rescindiu recentemente um convite para a participação de suas unidades navais em exercícios internacionais que começam esta semana perto do Havaí.

Em declarações logo antes de partir de Washington, Mattis disse que sua intenção em Pequim era "escutar muito" os interlocutores chineses.

Internacional