PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Otan comemora reunião de Putin e Trump e ressalta importância do diálogo

28/06/2018 12h02

Bruxelas, 28 jun (EFE).- O secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg, "comemorou" nesta quinta-feira a próxima reunião entre os presidentes dos Estados Unidos, Donald Trump, e da Rússia, Vladimir Putin, e ressaltou que o diálogo é importante porque "não queremos uma nova Guerra Fria".

Stoltenberg disse em sua chegada a uma cúpula da União Europeia (UE), da qual participa como convidado, que acredita no diálogo entre nações e que "o diálogo não é um símbolo de fraqueza, mas um símbolo de força".

A nova reunião entre Putin e Trump, que acontecerá no próximo 16 de julho em Helsinque, "está alinhada com a política da Otan", afirmou o secretário-geral, que acrescentou que "é importante se reunir, já que a Rússia é o nosso maior vizinho e precisamos melhorar a relação com eles, algo que é impossível sem diálogo".

Stoltenberg se mostrou "convencido" de será discutido durante a próxima da Otan de julho "a importância das relações transatlânticas", já que "Europa e América do Morte precisam uma da outra, especialmente em momentos de desafios e ameaças, temos que estar juntos".

Além disso, durante a cúpula da Otan espera-se que sejam debatidos outros temas, como a aplicação do acordo com a Turquia, a situação da Geórgia e uma nova missão no Iraque, assim como a forma de trabalhar conjuntamente para atenuar a crise política gerada pela imigração e os refugiados.

Nesse sentido, Stoltenberg comentou que, "apesar das diferenças e dos desacordos que pode haver entre os membros da Otan, essas divergências são superadas para nos protegermos uns aos outros. É do nosso interesse nos mantermos juntos".

Internacional