PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Doente, imperador do Japão cancela compromissos pelo terceiro dia consecutivo

04/07/2018 02h58

Tóquio, 4 jul (EFE).- O imperador do Japão, Akihito, voltou a cancelar nesta quarta-feira seus atos públicos após sofrer na última segunda uma disfunção vascular cerebral da qual estaria praticamente recuperado, segundo confirmou à Agência Efe, a Agência da Casa Imperial japonesa.

"Houve uma melhora quanto aos enjoos e da leve dor no estômago, embora o medico tenha tomado a decisão de que ele continue em repouso hoje", disse o porta-voz da agência.

Akihito, de 84 anos, sofreu na madrugada da última segunda enjoos, vômitos e outros sintomas que foram diagnosticados como consequência de uma irrigação sanguínea insuficiente no cérebro, também conhecido como anemia cerebral.

O imperador tinha planejado para hoje uma refeição com embaixadores em Tóquio. Em seu lugar participará o príncipe herdeiro Naruhito, de 59 anos, que assumirá o trono em outubro de 2019 após a abdicação de seu pai.

Ontem e anteontem, Akihito foi obrigado a cancelar o compromisso com diversos ministros e a recepção da princesa Ayako de Takamado, que apresentou recentemente seu noivo e anunciou o casamento para o final de outubro.

Nos últimos anos, a saúde do imperador ficou fragilizada, o levando em agosto de 2016, anunciar seu desejo de ceder o trono ao seu filho, o príncipe herdeiro Naruhito.

Internacional