PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Cidadãos se manifestam em Bruxelas contra presença de Trump e cúpula da Otan

07/07/2018 13h05

Bruxelas, 7 jul (EFE).- Milhares de pessoas se manifestaram neste sábado contra a cúpula da Otan e a presença do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, em Bruxelas, sob o lema "Trump não é bem-vindo. Façamos a paz grande outra vez".

A manifestação foi liderada por ONGs como Anistia Internacional e Greenpeace e partiu desde a estação do Norte para o centro da cidade.

Trata-se da segunda vez que antes da cúpula anual da Otan, que neste ano vai acontecer entre 11 e 12 de julho na sede da Aliança Atlântica em Bruxelas, que ocorre esta manifestação contra a "militarização" de uma política internacional que, dizem, "exclui as pessoas".

"Pedimos a nossos dirigentes belgas e europeus que não se inspirem na visão do mundo de Trump e resistam diante de Washington. Pedimos que façam frente à sua visão desumanizada da política migratória", explicou à Agência Efe uma porta-voz, Leila Lahssaini.

Segundo os organizadores, a manifestação reuniu entre 3 mil e 4 mil pessoas, mas os mesmos reconheceram não ter confirmação de números por parte das autoridades.

"O protesto está sendo um sucesso pelo número de presentes, mas também pela diversidade de gente que participa, desde entidades ecologistas até feministas ou pacifistas", acrescentou Lahssani.

Lahssani afirmou que o que une a maior parte dos manifestantes é a rejeição para a figura de Trump e o desejo de que não desembolse tanto dinheiro em defesa, mas em políticas sociais.

No domingo, vai acontecer um ato de protesto em forma de ciclo de conferências pacifistas junto ao Parlamento Europeu, no centro de Bruxelas.

Internacional