PUBLICIDADE
Topo

Último membro do Governo Churchill, Peter Carrington morre aos 99 anos

10/07/2018 11h28

Londres, 10 jul (EFE).- Peter Carrington, o último membro do Governo do primeiro-ministro Winston Churchill ainda vivo, morreu aos 99 anos, de acordo com informações divulgadas pela imprensa local.

O político conservador, o último que tinha renunciado como ministro das Relações Exteriores até o anúncio ontem de Boris Johnson, morreu na noite de segunda-feira, 11 meses antes de completar 100 anos.

Carrington começou a fazer parte da Câmara dos Lordes britânica em 1945, depois de ter servido na II Guerra Mundial e ter ganhado a Cruz Militar.

Em 1951, se uniu ao Executivo de Churchill e, desde então, fez parte de todos os governos conservadores até o de Margaret Thatcher.

Carrington ocupou as pastas de Defesa e Exteriores e, desta última, renunciou em 1982 por não ser capaz de antecipar a invasão argentina das Malvinas. Entre 1984 e 1988, foi o sexto secretário-geral da Otan.

Downing Street, escritório oficial da primeira-ministra, Theresa May, descreveu hoje a morte como "uma notícia muito triste", enquanto David Lidington, considerado o "número dois" no gabinete de Governo, elogiou a "carreira" do político.