PUBLICIDADE
Topo

Ataque contra sede do Ministério do Refugiado deixa 18 mortos no Afeganistão

31/07/2018 13h13

Cabul, 31 jul (EFE).- Pelo menos 18 pessoas morreram, entre elas três criminosos, e outras 15 ficaram feridas em um ataque nesta segunda-feira contra a sede do Ministério de Refugiados e Repatriamento (MoRR) na província de Nangarhar, no leste do Afeganistão, informou à Agência Efe o porta-voz do governador provincial, Attaullah Khogyani.

De acordo com ele, um terrorista detonou os explosivos para outros dois passarem. A dupla se entrincheirou no edifício e foi abatida quase seis horas depois do início do ataque.

"Nesta ação cometida por três pessoas, 15 morrem, incluindo um policial e uma mulher, e outras 15 ficaram feridas", indicou o porta-voz, sem incluir os três autores do ataque.

De acordo com Khogyani, a Polícia Federal fez uma revista no edifício, desativouo vários explosivos e apreendeu munições.

O porta-voz dos talibãs, Zabihullah Mujahid, afirmou através da rede social Viber que o seu grupo não está envolvido no ato.

Em julho, vários grandes ataques abalaram a província de Nangarhar, região na qual o grupo jihadista Estado Islâmico (EI) tem o seu reduto no país. Pelo menos 35 pessoas morreram e 39 ficaram feridas.