PUBLICIDADE
Topo

Papa deixa Irlanda com novo pedido de perdão às vítimas de abusos

26/08/2018 15h18

Dublin, 26 ago (EFE).- O papa Francisco deixou neste domingo a Irlanda após uma intensa visita de dois dias para participar do IX Encontro Mundial das Famílias, marcado pela questão dos abusos cometidos por integrantes da Igreja Católica no país a mulheres e crianças durante décadas.

O avião que leva o pontífice de volta à Roma decolou às 17h45 GMT (14h45 de Brasília) do aeroporto de Dublin, onde o primeiro-ministro da Irlanda, Leo Varadkar, e um grupo de bispos organizaram uma breve cerimônia de despedida para Francisco.

Antes de deixar o país, o papa voltou a pedir perdão por todos os abusos cometidos por representantes da Igreja Católica na Irlanda.

O pedido foi feito diante de mais de 300 mil pessoas que se reuniram no Phoenix Park para participar da missa de encerramento do Encontro das Famílias. De surpresa, antes do início da eucaristia, Francisco leu uma mensagem na qual fez "mea culpa" pelos abusos de poder, de consciência e sexuais cometidos pela Igreja no país.

Ao fim da missa, o papa informou que o próximo Encontro Mundial das Famílias será realizado em 2021, em Roma. O Vaticano foi escolhido para realizar o evento por causa do quinto aniversário da publicação da exortação apostólica de Francisco, a "Amoris Laetita", que trata sobre o tema da família.