PUBLICIDADE
Topo

Juiz malaio adia julgamento de 2 chilenos acusados de assassinato

27/08/2018 03h10

Kuala Lumpur, 27 ago (EFE).- Um juiz de Kuala Lumpur, capital da Malásia, adiou nesta segunda-feira para o final do mês que vem o julgamento contra dois chilenos acusados de assassinato no país, onde este crime é punido com a morte na forca.

O engenheiro Felipe Osiadacz, de 27 anos, e o cozinheiro Fernando Candia, de 30, que se declararam inocentes, foram detidos há um ano em Bangcoc por supostamente matar um malaio enquanto estavam de férias neste país do Sudeste Asiático.

O julgamento está na fase de exposição de argumentos por parte da Promotoria, que solicitou um adiamento ao argumentar que tem que dar prioridade a outros casos.

O juiz aceitou o pedido e fixou a retomada do caso no dia 24 de setembro.

O magistrado deu até 9 de outubro à promotoria para que termine a sua exposição e uma semana depois decidirá se aceita a acusação ou não.