PUBLICIDADE
Topo

Palestino é morto a tiros por Exército israelense em protestos em Gaza

21/09/2018 14h03

Faixa de Gaza, 21 set (EFE).- Um palestino morreu e 54 ficaram feridos na Faixa de Gaza por disparos do Exército israelense durante a 26ª sexta-feira de protestos junto da fronteira com Israel, informaram fontes médicas palestinas.

O porta-voz do ministério de Saúde de Gaza, Ashraf al Qedra, acrescentou que o palestino morto é um jovem de 20 anos e que um dos feridos está em situação crítica.

Desde o início da tarde começaram os distúrbios em cinco locais do leste de Gaza, durante o protesto conhecido como Grande Marcha do Retorno, da qual participaram cerca de 10 mil palestinos, quando o Exército respondeu com bombardeios no norte do território.

Fontes de segurança palestina em Gaza disseram que drones israelenses atacaram três postos militares do movimento islamita Hamas sem que fossem registrados feridos.

O Exército informou que um dos soldados ficou levemente ferido por causa de estilhaços no começo da tarde.