PUBLICIDADE
Topo

Papa chega a Lituânia para iniciar tour pelos países bálticos

22/09/2018 06h40

Vilnius, 22 set (EFE).- O papa Francisco chegou neste sábado a Vilnius, capital da Lituânia, para iniciar sua passagem pelos países bálticos, que terminará na próxima terça-feira, e seu primeiro ato oficial no país será a reunião com a presidente Dalia Grybauskaite.

O avião da companhia Alitalia aterrissou no aeroporto da capital lituana às 11h20 (horário local, 5h20 de Brasília), onde ele era aguardado, debaixo de chuva, pela presidente e outras autoridades políticas e da igreja local.

Após a cerimônia de boas-vindas, Francisco seguirá para o palácio presidencial, na Praça Daukantas para um encontro privado com a presidente e depois na esplanada, onde farão seus discursos.

À tarde, depois de descansar na nunciatura da Lituânia, onde o papa ficará durante essas três noites, seguirá para o Santuário Mater Misericordiae, onde fará uma oração.

Francisco ainda irá até a catedral onde terá um encontro com os jovens lituanos, único país báltico com maioria católica, cerca de 80%, embora uma porcentagem muito baixa se declare praticante.

O papa também visitará a catedral onde rezará diante da Virgem da Sibéria, onde lembrará de todos os "deportados" durante a invasão soviética.

Durante o voo, Francisco afirmou que será uma viagem muito agradável, pois estes três países (Lituânia, Letônia e Estônia), que "tiveram uma história comum", "se assemelham, mas também são muito diferentes".

O pontífice viaja para os Bálticos quando se completam 100 anos de sua primeira declaração de independência e 25 anos depois da visita de João Paulo II, pouco depois da dissolução da União Soviética.