PUBLICIDADE
Topo

Musk se defende de acusações de fraude na bolsa: "injustificadas"

27/09/2018 19h39

Nova York, 27 set (EFE).- O fundador e CEO da Tesla, Elon Musk, classificou as acusações de fraude apresentadas contra ele nesta quinta-feira pela Comissão de Títulos e Câmbio dos Estados Unidos (SEC, na sigla em inglês) como "injustificadas".

"As ações injustificadas da SEC me entristecem e decepcionam profundamente", afirmou Musk em comunicado divulgado na rede de televisão "CBNC".

"Sempre agi em benefício da verdade, da transparência e dos investidores. As integridade é o valor mais importante em minha vida, e os fatos mostrarão que nunca coloquei isso em risco de nenhuma maneira", acrescentou.

As declarações foram feitas poucos minutos depois da notícia de que a SEC apresentou uma denúncia contra Musk na Corte do Distrito Sul de Nova York, alegando que ele publicou uma mensagem no Twitter no dia 7 de agosto na qual mentiu ao afirmar que tinha a possibilidade de fecha o capital da Tesla por ter recebido "uma oferta multimilionária".

Após este incomum anúncio, houve uma forte alta das ações da Tesla - em poucos minutos elas subiram mais de 7% e fecharam o pregão daquele dia com alta de 11%.

"A verdade é que Musk sequer tinha debatido, e muito menos confirmado, os termos-chave do acordo com nenhuma fonte de financiamento em potencial", diz a SEC no comunicado.

"As declarações públicas falsas e enganosas de Musk causaram confusão e alteração significativa das ações de Tesla no mercado e isso resultou em danos a investidores", acrescenta a nota.

Além de denunciar Musk por fraude, a SEC quer que os tribunais proíbam o empresário de voltar a ocupar um cargo de direção em qualquer companhia cotada na bolsa para evitar que a situação se repita.

A SEC permite o uso de redes sociais para empresas divulgarem informações sob a condição de que tenham comunicado aos acionistas a decisão de usá-las à margem da entrega de documentos formais.

Musk protagonizou várias polêmicas recentemente que levaram a Tesla a sofrer uma grande queda na bolsa - a última delas ao fumar maconha em um programa de rádio que também estava sendo gravado em vídeo.