PUBLICIDADE
Topo

Chancelaria grega recebe pacote suspeito, mas conteúdo era inofensivo

26/10/2018 10h19

Atenas, 26 out (EFE).- O artefato encontrado nesta sexta-feira à tarde no Ministério das Relações Exteriores da Grécia, que motivou a evacuação de seus funcionários, acabou sendo considerado inofensivo, segundo informou a Polícia do país à Agência Efe.

O pacote continha um tensiômetro, segundo descobriram os agentes das forças de segurança após fazer uma série de testes.

No térreo do edifício estavam cerca de 60 pessoas que saíram para a rua à espera de que os técnicos revistassem o pacote, que tinha chegado pelo correio comum.

Segundo as primeiras informações da investigação citadas pela imprensa, o pacote foi enviado ao vice-primeiro-ministro, Yannis Dragasakis, cujo escritório fica junto ao ministério, mas que não dispõe de uma máquina de raios X, pelo que sua correspondência passa primeiro pelo Departamento de Exteriores.