PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Temer vota, pede união e diz que transição começa amanhã ou 3ª feira

28/10/2018 09h34

São Paulo, 28 out (EFE).- O presidente Michel Temer votou neste domingo na cidade de São Paulo e, ao falar com a imprensa, pediu que os brasileiros "voltem a se unir" depois do segundo turno das eleições presidenciais, e anunciou que o processo de transição deve começar "amanhã mesmo ou na terça-feira".

Acompanhado de ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, o presidente chegou de manhã cedo no colégio Santa Cruz, no bairro de Pinheiros, na Zona Oeste da capital paulista, onde tem residência.

Temer reiterou que está pronto para iniciar a transição e os contatos com seu sucessor, a quem entregará o poder em 1º de janeiro. Já sobre a possibilidade de seu partido, o MDB, apoiar o novo governo, afirmou que ela ainda não foi debatida.

Os brasileiros vão às urnas hoje para escolher o novo presidente, entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT), e em 13 estados e no Distrito Federal também votarão para governador.

Internacional