Incêndio deixa pelo menos 7 mortos em hotel de Seul

Seul, 9 nov (EFE).- Pelo menos sete pessoas morreram e outra 11 ficaram feridas nesta sexta-feira em um hotel do centro de Seul, segundo informaram as autoridades locais.

O incêndio foi detectado por volta das 5h (horário local, 18h de quinta-feira em Brasília) em um hotel do distrito de Jongno e foi extinto cerca de duas horas depois, segundo a agência "Yonhap", que citou dados do corpo de bombeiros da capital sul-coreana.

Os bombeiros disseram também que não descartam a possibilidade de que aumente o número de mortos e acrescentaram que o incêndio se originou no terceiro andar do edifício, onde se situa o hotel, que ocupa também o segundo piso do imóvel.

Este estabelecimento é o que se conhece na Coreia do Sul como "goshiwon", um negócio que aluga quartos diminutos por preços módicos.

Por sua natureza se constitui em um alojamento de médio e longo prazo ideal para, por exemplo, estudantes, trabalhadores que recebem salário mínimo ou pessoas que fazem trabalhos diários em setores como a construção civil.

No momento do incêndio havia 50 inquilinos no "goshiwon", segundo a polícia e os bombeiros, que detalharam que as vítimas identificadas tinham entre 40 e 60 anos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos