PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Orban promete segurança para ex-prêmie macedônio na Hungria

23/11/2018 08h20

Budapeste, 23 nov (EFE).- O primeiro-ministro da Hungria, o conservador nacionalista Viktor Orban, afirmou nesta sexta-feira que seu Governo garantirá a segurança de Nikola Gruevski, o ex-chefe de Governo da Macedônia que fugiu para Budapeste na semana passada para evitar ser preso no seu país.

"Garantiremos a segurança das pessoas que recebem asilo (na Hungria)", afirmou Orban em referência a Gruevski, em entrevista concedida à rádio pública "Kossuth".

Gruevski, condenado a dois anos de prisão por tráfico de influência, fugiu no começo da semana passada para a Hungria e recebeu asilo no país centro-europeu em questão de poucos dias, após afirmar que foi ameaçado de morte na Macedônia.

Quanto à solicitação macedônia de extraditar Gruevski, Orban se limitou hoje a dizer que "as autoridades (húngaras) analisarão o pedido".

O premiê húngaro explicou, além disso, que conhece pessoalmente Gruevski e que sem ele "teria sido mais difícil defender as fronteiras da Hungria (em 2015)", em relação a à chegada de centenas de milhares de imigrantes e refugiados de zonas de guerra no Oriente Médio e na África, acrescentando que "trata de maneira justa os seus aliados".

"Gruevski foi duro com as redes de Soros, agora é atacado pelas forças que são a favor da imigração", concluiu Orban em referência ao empresário americano de origem húngara, George Soros, seu principal inimigo político e ideológico.

Internacional