PUBLICIDADE
Topo

Chacina ocorrida no Japão é atribuída a caso de violência doméstica

28/11/2018 11h25

Tóquio, 28 nov (EFE).- O recente assassinato de seis pessoas no Japão, entre elas uma criança de sete anos, foi atribuído nas investigações policiais a um caso de violência doméstica, informaram nesta quarta-feira veículos de imprensa locais.

Os corpos foram localizados na segunda-feira dentro de um imóvel na província de Miyazaki, no sudoeste de Japão, e os investigadores suspeitam que o responsável foi um homem que se suicidou e cujo corpo foi encontrado posteriormente.

De acordo com a agência local "Kyodo", o suspeito seria Masahiro Iihoshi, de 42 anos, que supostamente assassinou sua esposa Mikiko, de 41 anos, o filho de ambos, de 21, e uma filha de 7.

Também foram assassinados o pai e a mãe da esposa, assim como um vizinho que estava no imóvel. Algumas das vítimas apresentavam ferimentos de arma branca e outras tinham sinais de estrangulamento.

O suposto assassino tinha problemas com sua mulher, segundo fontes policiais, e seu corpo foi encontrado depois, a cerca de três quilômetros do local, com sinais de suicídio.