Topo

Líderes do G20 começam a chegar ao local que sediará cúpula em Buenos Aires

30/11/2018 12h26

Buenos Aires, 30 nov (EFE).- Os líderes dos países do G20, de outros Estados convidados e os representantes do alto escalão de organizações internacionais começaram a chegar ao centro de convenções Costa Salguero em Buenos Aires, onde acontece a cúpula anual do grupo nesta sexta-feira e amanhã.

O presidente da França, Emmanuel Macron; a primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May; e o chefe de governo da Espanha (país convidado permanente do grupo), Pedro Sánchez, foram alguns dos primeiros a chegar ao centro de reuniões, situado no bairro de Palermo.

O presidente argentino, Mauricio Macri, e anfitrião da reunião também já chegou ao recinto.

Durante dois dias, os líderes das 20 principais economias desenvolvidas e emergentes do mundo - que já chegaram a Buenos Aires, com exceção da chanceler alemã Angela Merkel, que teve um problema com o seu avião e teve que atrasar sua viagem - debaterão sobre os temas mais relevantes da agenda global.

Além disso, a maioria deles manterá encontros bilaterais entre si.

Inaugurado em 1994, o prédio de Costa Salguero, situado às margens do Rio da Prata, conta com uma superfície coberta de mais de 20 mil metros quadrados, à qual se somam áreas ao ar livre e praças de estacionamento e manobra.

A cúpula de 2018 será marcada pelas tensões comerciais entre Estados Unidos e outras potências, como a China e a União Europeia, e por confrontos diplomáticos como o que envolve Rússia e Ucrânia.

As intensas medidas de segurança estabelecidas pela Argentina - mais de 22 mil agentes federais - mais todo o pessoal que os líderes trazem consigo deixaram uma cidade sitiada, com as principais avenidas nos arredores do local da reunião fechadas e grande parte dos serviços públicos suspensos.

Pouco depois do meio-dia local (13h em Brasília), e após a tradicional foto dos líderes, o presidente Macri abrirá a sessão plenária sob o lema "Um futuro equitativo e sustentável".

As discussões do primeiro dia, com as palavras de ordem "Colocando as pessoas em primeiro lugar" e "Construindo consenso", finalizarão às 16h45 locais (17h45 em Brasília).

Logo em seguida, os líderes comparecerão a um ato no Teatro Colón, símbolo da cultura de Buenos Aires, onde assistirão a um espetáculo cultural sobre a identidade da Argentina e terão um jantar.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Newsletters

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero receber