Topo

Argentina passa presidência rotativa do G20 para o Japão

01/12/2018 20h37

Buenos Aires, 1 dez (EFE).- A Argentina passou neste sábado a presidência rotativa do G20 para o Japão ao fim da cúpula de chefes de Estado e de Governo do grupo realizada em Buenos Aires.

"O Japão sabe que pode contar com o apoio argentino para que a cúpula de Osaka seja um verdadeiro sucesso", disse o presidente da Argentina, Mauricio Macri, ao lado do primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, pouco depois da oficialização da mudança da presidência.

Macri afirmou que, junto com o Japão, continuará trabalhando para defender os interesses do G20 e destacou a cooperação entre os dois países dentro da cúpula.

Abe parabenizou Macri pela liderança durante a reunião de Buenos Aires e afirmou que a Argentina é um parceiro importante na luta para construir um sistema econômico internacional, livre e aberto.

Após o fim da cúpula, Macri e Abe assinaram um Acordo para a Promoção e Proteção de Investimentos em um evento realizado em um centro cultural de Buenos Aires. A cerimônia também serviu de comemoração para os 120 anos do estabelecimento das relações diplomáticas entre os dois países.

"Essa amizade que une nossos países há mais de um século se reflete em uma comunidade japonesa que fez da Argentina seu lar e que contribuiu com sua riqueza cultural e com seus valores sobre trabalho e respeito com o nosso país", afirmou Macri.

O primeiro-ministro do Japão destacou as reformas econômicas promovidas por Macri e disse apoiar a entrada da Argentina na Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE).