Topo

Merkel e Putin conversam sobre incidente entre Rússia e Ucrânia no Mar Negro

01/12/2018 20h09

Buenos Aires, 1 dez (EFE).- O presidente da Rússia, Vladimir Putin, e a chanceler da Alemanha, Angela Merkel, se reuniram neste sábado, em Buenos Aires, às margens da cúpula do G20, e conversaram sobre a tensa situação no Mar Negro, especialmente depois a apreensão de navios ucranianos por parte do Kremlin.

"A chanceler Merkel falou com o presidente Putin no começo do segundo dia da cúpula do G20 em Buenos Aires. A reunião focou na Síria e na situação entre Rússia e Ucrânia no Estreito de Kerch", escreveu no Twitter o porta-voz do governo alemão, Steffen Seibart.

Após o tweet de Seibart, diplomatas que estão em Buenos Aires ouvidos pela Agência Efe afirmaram que é muito possível que representantes de Rússia, Ucrânia, Alemanha e França se reúnam em breve, em um local ainda não determinado, para discutir o assunto.

Antes de viajar para a cúpula do G20, Merkel disse que gostaria de manter um "contato próximo" com o presidente da Ucrânia, Petro Poroshenko, e pediu um diálogo imediato entre os dois países.

As tensões entre Rússia e Ucrânia aumentaram na última semana depois da apreensão de três navios da Marinha ucraniana por parte da Guarda Costeira do país vizinho perto do Estreito de Kerch.

A Ucrânia considera que a Rússia bloqueou a navegação no Mar de Avoz, compartilhado pelos dois países, com um reforço nas inspeções de navios que circulam pelo Estreito de Kerch depois da inauguração de uma ponte que liga a Crimeia ao território russo continental.

A Rússia alega que os navios ucranianos apreendidos estavam indo na direção da ponte e que, por esse motivo, a Guarda Costeira do país tomou a decisão de interceptá-los.