Topo

Putin elogia "sabedoria política" de Bush como presidente dos EUA

01/12/2018 12h39

Moscou, 1 dez (EFE).- O presidente da Rússia, Vladimir Putin, elogiou neste sábado a figura e a "sabedoria política" do ex-presidente dos Estados Unidos George H.W. Bush, falecido aos 94 anos, em um telegrama de condolências enviado a seu filho George Bush.

"Querido George, receba as minhas mais profundas condolências por conta do falecimento de seu pai", afirma o texto da mensagem, divulgado pelo escritório de imprensa do Kremlin.

Putin ressaltou que Bush foi um "homem extraordinário, que durante toda sua vida serviu fielmente ao seu país; durante a guerra, com as armas na mão, e em tempos de paz, em cargos públicos de alta responsabilidade".

Bush foi presidente dos EUA em um "dos períodos mais importantes da história mundial, mostrou sabedoria política e perspicácia, e tentava adotar decisões ponderadas inclusive nas situações mais complexas", acrescenta a mensagem.

"Consciente da importância do diálogo construtivo entre as duas maiores potências nucleares, George Bush pai fez muito para fortalecer a cooperação russo-americana em matéria de segurança internacional", ressaltou Putin.

O presidente russo acrescentou: "Tive a sorte de me reunir várias vezes com seu pai. Lembro com carinho com que me recebeu na sua magnífica casa de campo de Kennebunkport".

Após reiterar suas condolências, Putin desejou à família de Bush "coragem para enfrentar esta perda irreparável".

O líder russo se encontra em Buenos Aires, onde participa da Cúpula do G20 e tinha uma reunião bilateral prevista para hoje com o atual presidente dos EUA, Donald Trump, que ontem cancelou o encontro.

Trump explicou que a decisão de cancelar o encontro com Putin se deve à captura no último domingo de três navios ucranianos e seus 24 tripulantes pela guarda costeira da Rússia no mar Negro.