Topo

Trump retirará EUA do Nafta para pressionar Congresso a aprovar T-MEC

Pablo Martinez Monsivais/AP Photo
Donald Trump, no encontro com lideranças chinesas por ocasião da cúpula do G20, em Buenos Aires Imagem: Pablo Martinez Monsivais/AP Photo

Em Buenos Aires

02/12/2018 03h23

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou neste domingo (2) que nos próximos dias ordenará a retirada do seu país do Nafta com México e Canadá, a fim de pressionar o Congresso americano a aprovar a versão renovada do pacto, conhecida como T-MEC.

"Vou cancelá-lo em um período de tempo relativamente curto. Nos desfaremos do Nafta. Foi um desastre para os Estados Unidos", disse Trump em declarações aos jornalistas a bordo do Air Force One que o levava outra vez a Washington desde Buenos Aires.

Segundo Trump explicou, esse gesto começará um processo de retirada de seis meses do Tratado de Livre-comércio da América do Norte (Nafta), em vigor desde 1994, o que daria ao Congresso uma data limite para ratificar o T-MEC se não quiserem perder de todo o regime comercial com os países vizinhos.

"O Congresso terá que escolher entre o T-MEC ou a situação anterior ao Nafta, que funcionou muito bem", afirmou o líder.

Trump assinou nesta sexta-feira (30) o T-MEC junto com o já ex-presidente mexicano, Enrique Peña Nieto, e o primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, mas esse tratado ainda deve ser ratificado pelos Congressos dos três países para poder entrar em vigor.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Newsletters

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero receber