Mais informação com menos tempo de leitura
Topo

Brasil, Colômbia, Peru, Equador e Costa Rica reconhecem Guaidó na Venezuela

23/01/2019 17h42

Davos (Suíça).- Os governos de Brasil, Colômbia, Peru, Equador e Costa Rica anunciaram nesta quarta-feira em Davos, na Suíça, que reconhecem o presidente do parlamento da Venezuela, Juan Guaidó, como "presidente da Venezuela".

O anúncio foi feito após uma reunião na qual participaram o presidente Jair Bolsonaro e seus homólogos da Colômbia, Iván Duque; da Costa Rica, Carlos Alvarado; e do Equador, Lenín Moreno, além da vice-presidente do Peru, Mercedes Aráoz.

Duque, que foi o primeiro a tomar a palavra diante de um reduzido grupo de jornalistas, disse que o seu país "reconhece Juan Guaidó como presidente da Venezuela e acompanha este processo de transição para a democracia para que o povo venezuelano se liberte da ditadura".

Por sua vez, Bolsonaro também disse que reconhece Guaidó como presidente junto com os demais países do chamado Grupo de Lima.

"Daremos todo o apoio político necessário para que o processo siga o seu curso", assegurou. EFE

Mais Internacional