Topo

Chanceler do Vietnã chega a Pyongyang para preparar cúpula entre Trump e Kim

2019-02-12T11:14:00

12/02/2019 11h14

Seul, 12 fev (EFE).- O chanceler do Vietnã, Pham Binh Minh, aterrissou nesta terça-feira em Pyongyang, onde deve discutir detalhes da cúpula entre os líderes dos Estados Unidos, Donald Trump, e da Coreia do Norte, Kim Jong-un, que acontecerá neste mês em Hanói, assim como uma possível visita de Estado prévia do líder norte-coreano.

Pham aterrissou no aeroporto internacional de Sunan em Pyongyang, informou a agência estatal norte-coreana "KCNA".

Segundo detalharam fontes ligadas à agência sul-coreana "Yonhap", outros cinco funcionários - incluído o chefe de protocolo da Chancelaria vietnamita - viajaram com Pham, que fez hoje escala no aeroporto chinês de Pequim para tomar desde a capital chinesa um voo da companhia aérea estatal norte-coreana Air Koryo.

A Chancelaria vietnamita informou na segunda-feira que o responsável de Relações Exteriores do país ficará em Pyongyang até 14 de fevereiro a convite de seu colega norte-coreano, Ri Yong-ho.

Ambos os chanceleres se reunirão em Pyongyang apenas duas semanas antes da cúpula entre Trump e Kim, que acontecerá em Hanói entre 27 e 28 de fevereiro.

Espera-se que este novo encontro na capital vietnamita sirva para destravar o diálogo sobre a desnuclearização do regime norte-coreano, que quase não teve avanços desde a primeira cúpula que Trump e Kim realizaram em Singapura em junho do ano passado.

Aproveitando esta segunda cúpula, o líder norte-coreano poderia realizar uma visita de Estado ao Vietnã.

Apesar dos vínculos históricos bilaterais, esta seria o primeira viagem de um líder norte-coreano ao país desde a reunificação do Vietnã em 1975, ao final da guerra entre o comunista Vietnã do Norte e o pró-ocidental Vietnã do Sul. EFE

Mais Internacional