PUBLICIDADE
Topo

Naufrágio mata 8 pessoas no lado congolês do lago Eduardo

22/02/2019 15h00

Kinshasa, 22 fev (EFE).- Pelo menos oito pessoas morreram e outra desapareceu após o naufrágio de uma embarcação no lago Eduardo, em pleno parque Nacional de Virunga, situado no nordeste da República Democrática do Congo (RDC), informou nesta sexta-feira a imprensa local.

"A canoa transportava mandioca e outros alimentos, mas também 25 passageiros sentados em cima da mercadoria, como é costume", detalhou o chefe de serviço marítimo da cidade de Vitshumbi, ao sul do lago, Issa Mumbere, ao portal congolês "Actualité".

O serviço marítimo e os pescadores locais conseguiram recuperar oito corpos, entre eles os de crianças, e outra pessoa estaria ainda desaparecida.

Outras 16 pessoas sobreviveram ao acidente, enquanto os corpos foram levados a seus lugares de origem para serem enterrados.

Apesar de este ser o primeiro naufrágio com vítimas no lago Eduardo, uma via de passagem frequente para a vizinha Uganda, os acidentes são muito frequentes tanto neste lago como nos imensos rios da RDC, que, com a falta de boa infraestrutura terrestre, os utiliza como via de transporte de passageiros e mercadorias com precárias embarcações. EFE