PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Grupo de Lima pede ao TPI que considere situação na Venezuela como "grave"

25/02/2019 18h17

Bogotá, 25 fev (EFE).- O Grupo de Lima pediu nesta segunda-feira ao Tribunal Penal Internacional (TPI) para que "leve em consideração" a "grave situação da Venezuela e a negação do acesso à assistência humanitária" por parte do governo de Nicolás Maduro, que assim cometeria um "crime contra a humanidade".

A resolução foi aprovada ao término da reunião da organização realizada em Bogotá e lida pelo chanceler da Colômbia, Carlos Holmes Trujillo. EFE

Internacional