PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Tusk admite pedir para líderes da UE que aceitem prorrogação do "brexit"

14/03/2019 07h38

Bruxelas, 14 mar (EFE).- O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, se ofereceu nesta quinta-feira para pedir aos líderes da União Europeia (UE) que aceitem uma "longa" prorrogação do "brexit" se isso for solicitado pelo Reino Unido para repensar sua estratégia e "conseguir um consenso".

"Durante minhas consultas antes da cúpula europeia (dos próximos dias 21 e 22), pedirei aos 27 países do bloco que estejam abertos a uma longa extensão se o Reino Unido achar necessário repensar sua estratégia do 'brexit' e construir um consenso em torno dela", escreveu Tusk, em sua conta do Twitter.

A proposta foi feita no mesmo dia em que o Parlamento britânico vota se o Reino Unido solicita à UE a prorrogação para a saída do país do bloco comunitário, atualmente prevista para o próximo dia 29.

A UE "registrou" ontem à noite os votos do Parlamento britânico de quarta-feira, que descartou uma saída do Reino Unido da UE sem acordo e deixou claro que os 27 Estados-Membros restantes continuam prontos para assinar o pacto fechado com a primeira-ministra, Theresa May.

Um adiamento se transforma a partir de hoje na única opção plausível, depois que a Câmara dos Comuns descartou também na terça-feira o acordo de saída fechado entre Londres e Bruxelas. EFE

Internacional