PUBLICIDADE
Topo

Pelo menos dois menores e dois militares morrem em dois atentados no Iraque

19/03/2019 11h54

Bagdá, 19 mar (EFE).- Pelo menos dois militares e dois menores de idade morreram nesta terça-feira em diferentes atentados com explosivos em duas zonas ao norte de Bagdá, informaram à Agência Efe fontes policiais e civis.

No primeiro ataque, dois artefatos explosivos foram detonados em um breve espaço de tempo durante a passagem de duas patrulhas do Exército na zona de Al Tarmia, a 40 quilômetros de Bagdá, segundo informou à Agência Efe o comandante de polícia Mohammed Abdallah al Moshahadani.

"Um bomba explodiu durante a passagem de uma patrulha do Exército iraquiano em uma operação de inspeção nas hortas de Al-Tarmiya, matando um capitão e um soldados, fato que deixou outros quatro soldados feridos", disse o porta-voz.

Aproximadamente 15 minutos depois da primeira explosão, outro artefato colocado a cerca de 200 metros de distância foi detonado, o que deixou dois soldados feridos, segundo a mesma fonte.

O porta-voz policial disse que os dois artefatos foram colocados recentemente, o que "indica a presença de grupos terroristas na região".

O outro atentado aconteceu na cidade de Bahraz, situada na província de Diyala, a cerca de 80 quilômetros ao nordeste de Bagdá, segundo disse à Agência Efe um responsável local.

"Dois pastores menores de idade morreram pela explosão de uma bomba na zona de Al Tarmia, situada ao sul de Bahraz", disse à Efe o chefe do conselho local de Bahraz, Abdelmotaleb al Samarai.

Apesar de que as autoridades de Bagdá anunciaram a vitória militar sobre o grupo terrorista Estado Islâmico (EI) em dezembro de 2017, os jihadistas ainda têm presença no país e perpetram atentados de forma esporádica contra alvos militares e civis. EFE