PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Chanceler da Finlândia escapa ileso de tentativa de agressão em comício

24/03/2019 11h07

Berlim, 24 mar (EFE).- O ministro de Relações Exteriores da Finlândia, Timo Soini, escapou ileso de uma tentativa de agressão sofrida neste domingo durante um comício para as eleições parlamentares do país, marcadas para o próximo dia 14 de abril.

O agressor foi rendido por integrantes da equipe de segurança do comício, que perceberam nele uma atitude agressiva.

Segundo a rádio pública finlandesa "Yleisradio", o incidente ocorreu durante uma visita do chanceler a um mercado de Vantaa, a quarta cidade mais importante do país.

A visita do ministro fazia parte da campanha eleitoral do partido Futuro Azul, que rompeu com o ultradireitista Verdadeiros Finlandeses, antiga legenda de Soini.

A campanha ocorre em um clima pacífico, apesar de o centrista Juha Sipilä ter renunciado ao cargo de primeiro-ministro no início do mês. A decisão foi tomada depois de o parlamento derrubar as reformas propostas por ele para a previdência e a saúde.

Sipilä entregou o cargo ao presidente do país, Sauli Niinistö, que pediu que ele seguisse interinamente como premiê até a realização das eleições parlamentares de abril.

O atual governo de coalizão é formado pelos centristas, pelos conservadores do Kokoomus e pelo Futuro Azul. EFE

Internacional