PUBLICIDADE
Topo

Papa Francisco inicia viagem de 2 dias ao Marrocos

30/03/2019 08h40

A bordo do avião papal, 30 mar (EFE).- O papa Francisco viajou neste sábado ao Marrocos, onde permanecerá dois dias na capital Rabat, em uma viagem na qual fortalecerá os laços com o islã e mostrará sua proximidade com a pequena comunidade católica do país árabe, de apenas 25 mil pessoas.

O avião da companhia Alitalia decolou do aeroporto romano de Fiumicino às 10h57 locais (6h57 em Brasília) e está previsto que aterrisse em Rabat às 14h locais (10h em Brasília), onde será recebido pelo rei Mohammed VI em uma cerimônia de boas-vindas.

O papa viaja acompanhado do secretário de Estado do Vaticano, Pietro Parolin; do prefeito regional da Congregação para a Evangelização dos Povos, o cardeal italiano Fernando Filoni; do secretário do Pontifício Conselho para o Diálogo Inter-religioso, o espanhol Miguel Ángel Ayuso Guixot, além de 73 jornalistas, entre eles a correspondente da Agência Efe.

A visita do papa começará com uma cerimônia discreta no aeroporto de Rabat onde serão oferecidas tâmaras e leite de amêndoas ao papa, assim como ocorreu com João Paulo II em 1985.

Após o encontro com a população na esplanada Hassan Tour, Francisco e o rei Mohammed VI chegarão a bordo do papa móvel e de um carro aberto e pronunciarão seus discursos.

Posteriormente, Francisco visitará o mausoléu de Mohammed V, se reunirá com o rei e se encontrará com sua família no Palácio Real.

Em sua visita ao instituto para pregadores, inaugurado em 2015, o papa e Mohammed VI não farão pronunciamentos, mas estão previstos os discursos de dois estudantes e do Ministro de Assuntos Religiosos do Marrocos.

Pela tarde, o pontífice visitará o centro da organização Caritas. EFE