Topo

Holanda diz que mantém acordo do Brexit após anúncio de renúncia de May

2019-05-24T14:08:00

24/05/2019 14h08

Bruxelas, 24 mai (EFE).- O primeiro-ministro da Holanda, Mark Rutte, afirmou que o acordo selado entre o Reino Unido e a União Europeia (UE) para a saída ordenada do país do bloco "continua na mesa", depois que a premiê britânica, Theresa May, anunciou nesta sexta-feira a sua renúncia.

"Expressei meu agradecimento e respeito a Theresa May", escreveu Rutte no Twitter, depois que a premiê britânica informou que renunciará no dia 7 de junho como líder do Partido Conservador.

"O acordo fechado entre UE e Reino Unido para um Brexit ordenado continua na mesa", acrescentou o primeiro-ministro holandês em referência ao pacto fechado em novembro entre Bruxelas e o governo de May, e que a política britânica não conseguiu aprovar no parlamento de seu país.

Rutte lembrou que o Reino Unido está "estreitamente vinculado" à Holanda, que seria de fato um dos estados-membros mais prejudicados com um Brexit caótico, já que é um de seus principais parceiros comerciais.

A Holanda calcula que a saída do Reino Unido da UE lhe custará cerca de 10 bilhões de euros, o equivalente a 1,2% de seu PIB, até 2030.

A renúncia de May abre caminho para um novo líder à frente do governo britânico e, portanto, um novo interlocutor para a UE no processo de saída, um cargo que poderia terminar nas mãos do ex-ministro das Relações Exteriores e defensor de um Brexit "duro", Boris Johnson.

Assim, a Comissão Europeia - o órgão executivo da UE - lembrou hoje que a saída de May não muda sua postura, que se baseia no fato de que o acordo de saída não poderá ser renegociado. EFE

Mais Internacional